O projeto Disturbing City, proposto pelo artista holandês Leo Divendal, questiona as cidades e seu caráter perturbador. Os contos do livro As cidades invisíveis, de Ítalo Calvino, inspiraram os trabalhos aqui apresentados. O projeto teve início em São Paulo e foi finalizado em uma residência artística na cidade de Amsterdam em novembro de 2014.

 

CRATERA | CONSTELAÇÃO (As cidades e a memória), fevereiro de 2014. Cratera: 24 x 24cm, técnica mista | Constelação: 24,5 x 21cm, aquarela sobre papel manteiga

.

AS CIDADES E OS SÍMBOLOS, março de 2014. 96 x 28cm, aquarela e nanquim sobre papel

.

AS CIDADES DELGADAS, março de 2014. 41,5 x 11,5cm, técnica mista

.

AS CIDADES E OS OLHOS DA ALICE (As cidades e os olhos), maio de 2014. 18 x 12cm, impressão sobre transparência, aquarela

.

L’OCCULTO DUOLO (As cidades e os mortos), junho de 2014. 12 x 18cm, impressão com pigmento mineral sobre papel, guache

.

CAMINHO DAS ESTRELAS (As cidades e o céu), julho de 2014. 25,2 x 31cm, impressão com pigmento mineral sobre papel, desenhos a caneta

.

FRAGMENTOS (As cidades contínuas), julho de 2014. 15 x 15cm, impressão com pigmento mineral sobre papel, desenhos a caneta

.

SALTO (As cidades ocultas), julho de 2014. 15,7 x 23,7cm, impressão com pigmento mineral sobre papel, desenhos a caneta